Infocoins – 16/03/2020 a 21/02/2020

Tempo de leitura: 3 minutos

Binance adiciona negociação P2P para 5 moedas fiduciárias latinoamericanas

A exchange Binance lançou recentemente suporte para negociações P2P em cinco moedas fiduciárias da América Latina. Agora, a plataforma aceita real brasileiro (BRL), peso colombiano (COP), sol peruano (PEN), peso mexicano (MXN) e peso argentino (ARS). 

Segundo a Binance, a medida veio após um crescente aumento no volume de negócios em março (cerca de US$ 140 milhões de aumento) em meio ao caos econômico provocado pelo coronavírus. 

Agora os usuários latino americanos podem utilizar as moedas fiduciárias acrescentadas à plataforma para compra e venda de Bitcoin (BTC), Ethereum (ETH), Binance Coin (BNB), entre outras criptomoedas.

Com a adição dessas moedas, a Binance agora suporta negociações envolvendo 18 moedas fiduciárias. A recente movimentação é parte do “plano de expansão agressivo” da Binance para 2020, que já havia lançado sua plataforma P2P na China em 2019 e posteriormente adicionado o dong vietnamita (VND) e naira nigeriana (NGN).

Fontes: Decrypt | Livecoins 

Coinbase Card mobile disponível através do Google Pay

A Coinbase em sua parceria com a Visa passa a emitir o Coinbase Card, agora também possibilita que seus cliente o usem em seus celulares com sistema Android com uma integração com o Google Pay anunciada no dia 17/03/2020.

Com isso, os usuários do Coinbase Card que possuem telefones compatíveis com o serviço podem fazer uso de seu cartão virtual. O Coinbase Card conecta o saldo de criptomoedas de um usuário da exchange que é utilizado para gastar criptomoedas através de conversão instantânea. 

O Google Pay emula o cartão físico utilizando o chip NFC do dispositivo, permitindo que este seja utilizado em qualquer terminal que esteja habilitado para a realização de pagamentos sem contato. Entretanto, para o Coinbase Card, o Google Pay apresenta algumas restrições em relação a países onde o cartão é suportado pelo serviço. Segundo o Cointelegraph, a lista de países inclui Reino Unido, Irlanda, Bélgica, Finlândia, França, Itália, Eslováquia, Espanha, Croácia, República Tcheca, Polônia, Dinamarca, Noruega e Suécia.

Fontes: Cointelegraph | Decrypt 

Receita Federal do Brasil estuda adiamento da declaração do Imposto de Renda 

Com a pandemia do coronavírus assolando o mundo, a Receita Federal do Brasil estuda a possibilidade de adiamento do prazo de entrega da Declaração Anual de Imposto de Renda, conforme informou no dia 19/03/2020 à mídia. 

Segundo Joaquim Adir, o Supervisor do IR, a Receita Federal está avaliando a proposta, mas por hora o prazo do dia 30/04/2020, previamente anunciado pelo órgão público ainda permanece. 

Entretanto, é importante ressaltar que independentemente da Declaração Anual ser adiada ou não, a Instrução Normativa 1888 de 2019, que determina que as transações envolvendo criptomoedas no Brasil devem ser reportadas à Receita Federal mensalmente. 

Fontes: Cointelegraph | Livecoins

Steem propõe hard fork para tirar Justin Sun do blockchain

Recentemente,Justin Sun, CEO da TRON adquiriu a Steemit. Inc, empresa responsável por desenvolver o fórum Steemit do Reddit no blockchain Steem. Com isso, Sun recebeu cerca de 20% do suprimento total de Steem e a reprovação de grande parte da comunidade Steem.

A comunidade organizou um plano para congelar as moedas recém-adquiridas de Sun, de forma a garantir que elas sejam usadas  no desenvolvimento da rede. Ao saber disso, Justin Sun se uniu às exchanges Binance e Huobi para assumir a rede e manter suas moedas. 

A comunidade, no entanto não desistiu e planeja a criação de um hard fork que levará a Steem à um novo blockchain, o qual especula-se que se chamará de Hive. 
 Fontes: Cointimes | Cointelegraph | Decrypt

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *