OTC de criptomoedas: O que significa e como funciona?

Tempo de leitura: 2 minutos

Over The Counter (OTC), ou como é conhecido no Brasil “Mercado de Balcão”, trata-se de uma negociação realizada diretamente entre as partes envolvidas, ou seja, fora da bolsa de valores.

Aqui vamos entender melhor como esse tipo de negociação acontece.

O que é OTC? 

Como já mencionamos, o OTC é o chamado “Mercado de Balcão”, no qual as negociações ocorrem fora do pregão da bolsa de valores, uma negociação direta entre comprador e vendedor.

Esse tipo de negociação é comum em transações de altos valores, sem a necessidade de passar pelo livro de ofertas. Toda a negociação ocorre de forma paralela, com valores que podem sair acima ou abaixo do mercado, uma vez que a precificação utilizará uma dinâmica diferente, acordada entre as partes.

Como a OTC ocorre em criptomoedas?

No que diz respeito às criptomoedas, é importante ressaltar que não há necessidade de um registro de operações na corretora, uma vez que não há uma entidade responsável por intermediar as transações.

Considerando essa natureza descentralizada das criptomoedas, é possível negociar livremente, as pessoas podem transferir moedas entre si, sem a necessidade de um controlador central.

As exchanges surgiram para dar mais segurança aos compradores e vendedores, formando um mercado organizado, que agrega liquidez, além de oferecer um serviço de custódia e intermediação financeira. 

O OTC de criptomoedas pode ser intermediado por qualquer entidade, porém as exchanges oferecem mais chances de localizar um comprador ou vendedor para executar uma negociação de grande porte, uma vez que, usualmente, contém mais interessados.

OTC de criptomoedas

Quais as principais vantagens e desvantagens do OTC?

Uma das principais vantagens apresentadas pelo Mercado de Balcão é a possibilidade de realizar uma negociação de grandes quantidades sem a intervenção de pequenas ordens de compra e venda. 

Outra vantagem é que essas negociações evitam o vazamento de informações, como em casos no qual o comprador/vendedor não deseje que as suas intenções sejam reveladas publicamente, o que acaba por evitar o chamado slippage, que é quando o preço médio da compra ou venda é afetado pelo tamanho da ordem.

As operações de OTC garantem a execução correta do trade de grandes ordens, sem a necessidade de quebrar em pequenas ordens, o que afeta diretamente o preço médio tanto para o comprador, quanto para o vendedor.

A grande desvantagem em realizar operações de OTC está relacionada às regras do mercado. Operações tradicionais apresentam regras rígidas no que diz respeito à forma de envio dos recursos, prazo para recebimento dos ativos e etc.

Resumindo, as negociações realizadas no Mercado de Balcão são mais flexíveis, além de não seguir a cotação do mercado, porém é preciso atenção na hora de fechar o negócio, acordando todos os itens em questão, para que nenhuma das partes sejam prejudicadas.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *